Fábio Shiva




          Olá pessoal, tudo bem? Como prometido, apresento - lhes Fábio Shiva, escritor do livro "Favela Gótica". Conheçam mais sobre ele.



Biografia


          Fabio Shiva é músico, escritor e produtor cultural. A carreira musical é iniciada com a banda Imago Mortis, com dois CDs lançados internacionalmente. Coautor e roteirista de ANUNNAKI - Mensageiros do Vento, primeira ópera rock em desenho animado produzida no Brasil. O longa de 1h30 de duração é patrocinado pelo Edital de Música do Fundo de Cultura (SECULT-BA). O filme estreia no Cine Glauber Rocha em setembro de 2016, com excelente repercussão não somente junto à imprensa baiana, como em sites de todo o mundo. Disponibilizado em 28 episódios no YouTube, o filme já conta com mais de um milhão e meio de visualizações. Esta obra rendeu-lhe ainda a indicação ao Prêmio Caymmi 2017 como melhor roteirista de videoclipe por “Abdução de Endubsar”.

        É fundador da Oficina de Muita Música!, projeto inovador que já beneficiou centenas de participantes com aulas gratuitas de violão, contrabaixo, xadrez e meditação, na Casa da Música (SECULT/BA), onde também coordena o Bahia Canta Paz, grupo que tem a proposta de celebrar e fomentar a fraternidade, a tolerância e o respeito à diversidade por meio do poder transformador e positivo da música.

       Idealizador e produtor dos projetos de literatura: Pé de Poesia (que decorou as árvores de Salvador com poemas em 2016), Doce Poesia Doce (que distribuiu 10 mil “poesias doces” – poesias embalando balas doces – em 2017) e Poesia de Botão (iniciado em agosto de 2018, com a implantação de um jogo que ensina as crianças a rimar e fazer poesia em escolas municipais), todos patrocinados pela Fundação Gregório de Mattos (Prefeitura Municipal de Salvador). 

      Fundador do projeto P.U.L.A. (Passe Um Livro Adiante), atualmente sediado na Casa da Música (SECULT-BA), que já fez circular milhares de livros gratuitamente pelo Brasil. Palestrante sobre temas como Racismo, Consciência, Música e Espiritualidade em escolas públicas e eventos diversos, como o Seminário da Água em junho de 2017 no Instituto Histórico e Geográfico da Bahia (IGHB).

      Publicou em 2013 o romance policial O Sincronicídio pela Caligo Editora. Sua história infantil A Menininha Azul foi selecionada para a plataforma digital do Mapa da Palavra – BA. Em 2016 lançou dois livros pela Cogito Editora, um duplo de contos (Isso Tudo É Muito Raro / Labirinto Circular) e, como organizador, o coletivo sobre literatura Escritores Perguntam, Escritores Respondem. Participou de diversas coletâneas de poesias, contos e crônicas. Em agosto de 2018 lançou, como organizador, a antologia poética Doce Poesia Doce, pela Cogito Editora.
 
      Espero que tenham curtido e fica a dica para ler sua obra que já se encontra a venda na Amazon.  

Até mais!!!

@Gustavo Barberá - 06/05/2019.
 

10 comentários:

  1. Oi Gustavo!
    Adorei a biografia do Fabio e seu bonito trabalho!
    Não conhecia, mas vou acompanhar.
    Ótimo post
    Bjs
    Claudia

    ResponderExcluir
  2. Olá, Gustavo.

    Eu já havia lido alguns comentários a respeito do livro "Favela Gótica" lá no instagram.
    Adorei conhecer mais a respeito do autor, fiquei impressionada com tantos projetos que ele tem. Espero que faça muito sucesso com o seu novo livro!

    ResponderExcluir
  3. Oii, tudo bem?

    Já conhecia o livro, e achei bem interessante a premissa. Gostei muito de conhecer mais sobre o autor, ele tem um trabalho muito interessante.

    Beijinhos!!

    ResponderExcluir
  4. Não me lembro de ter visto esse livro ainda. Tive um problema recente (mais um de saúde), mas que apagava as minhas memórias recentes, por conta de uma medicação que a minha cardiologista passou. Agora estou voltando ao normal.. Mas realmente não me lembro de ter visto esse livro..

    A premissa parece bem interessante. Achei bacana o seu post que nos conta um pouco sobre o autor e faz com que conheçamos um pouco do criador por detrás de sua obra.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Pessoas como o Fábio Shiva deveriam receber todas essas medalhas e condecorações que são dadas a políticos e pseudo celebridades.Parabéns pela dedicação à literatura, e vida longa aos seus projetos literários, que nunca lhe falte incentivo. Parabéns ao blog por trazer a nós a história do autor e a dica de leitura.

    ResponderExcluir
  6. Oi Gustavo, gostei muito de conhecer um pouquinho sobre o autor, já vou procurar seus livros e o filme que fiquei curiosa para assistir.

    ResponderExcluir
  7. Não conhecia o autor ou seu livro, mas gosto de saber novidades sobre autores e livros nacionais. Boa sorte.

    ResponderExcluir
  8. Não conhecia o autor ainda, e é sempre bom conhecer novos autores, adorei o post! Fiquei curiosa para ler algo dele.

    ResponderExcluir
  9. Oi Gu, não conhecia o autor e estou maravilhada com tanto trabalho bacana que ele produziu, de verdade. Adorei o post e o seu cuidado em retratar tão bem o trabalho dele.

    ResponderExcluir
  10. Eu ainda não conhecia o autor e nem tinha ouvido falar do livro, mas gostei muito de saber mais sobre ele, sobretudo pelo projeto Bahia Canta Paz (pois definitivamente este país precisa de mais pessoas que falem de Amor e respeito ao próximo) e os projetos de poesias.

    Desejo muito sucesso ao autor!

    ResponderExcluir