Sete minutos depois da meia noite





          Pessoal, olha que indicação fantástica que o Leitura Enigmática vem trazendo hoje da Editora Novo Conceito, que aliás tem muito títulos formidáveis e emocionantes como esse. Vamos saber mais da obra "Sete minutos depois da meia noite".

          O livro que inspirou o filme estrelado por Sigourney Weaver, Felicity Jones, Toby Kebbell, Lewis Macdougall e Liam Neeson. Uma aventura que mistura fantasia e realidade. Conor é um garoto de 13 anos e está com muitos problemas na vida. A mãe dele está muito doente, passando por tratamentos rigorosos. Os colegas da escola agem como se ele fosse invisível, exceto por Harry e seus amigos que o provocam diariamente. 

          A avó de Conor, que não é como as outras avós, está chegando para uma longa estadia. E, além do pesadelo terrível que o faz acordar em desespero todas as noites, às 00h07 ele recebe a visita de um monstro que conta histórias sem sentido. O monstro vive na Terra há muito tempo, é grandioso e selvagem, mas Conor não teme a aparência dele. 

          Na verdade, ele teme o que o monstro quer, uma coisa muito frágil e perigosa. O monstro quer a VERDADE. Baseado na ideia de Siobhan Dowd, "Sete minutos depois da meia-noite" é um livro em que fantasia e realidade se misturam. Ele nos fala dos sentimentos de perda, medo e solidão e também da coragem e da compaixão necessárias para ultrapassá-los.

          Depois dessa descrição, não tem como não ficar sem ler. É uma obra que irá emocionar muito. Essa é a dica de hoje e espero que tenham gostado. Quem já leu ou pretende ler, deixe seu comentário logo abaixo. Até mais!!!


@Gustavo Barberá - 11/10/2019.

2 comentários:

  1. Tudo bem? Eu já li o livro e realmente é uma obra recheada de sentimentos densos que nos toca e emociona. Assisti o filme com minha filha e eu até chorei. Mas como choro atoa.. rsrs

    Amei suas impressões!

    Além das Páginas

    ResponderExcluir
  2. Olá...
    Adorei sua resenha!
    Fico feliz que tenha gostado tanto assim do livro e esteja recomendando com tanta paixão, porém, não curto muito o gênero ao qual ele pertence, sendo assim, prefiro passar a dica.
    Bjo

    ResponderExcluir