Projeto "12 meses com Clarice 2019" 








        Esse ano, o Leitura Enigmática, junto com os blogs parceiros "Café com leitura", "Conduta literária" e "Blog sobre a leitura" iremos estar realizando esse lindo projeto em homenagem a escritora Clarice Lispector, que possui vários contos  publicados. A cada mês, um conto será lido e resenhado nos blogs para que conheçam as histórias dessa magnífica personalidade. 


A ideia surgiu no final do ano passado, quando a Ana Cláudia, do "Café com leitura" disse que tinha o livro "Todos os contos" (foto ao lado) da escritora e desejaria demais ler, só que gostaria de fazer isso coletivamente. Então  partir desse bate papo, nascia o projeto em questão que nos deixou muito motivados.

Esse projeto está aberto durante todo o seu tempo em que estiver em vigor para todos que desejarem participar, será uma imensa alegria tê-los conosco.

A seguir um pouco de sua vida e obras.





         Clarice Lispector (1925-1977) foi uma escritora e jornalista brasileira, de origem judia, foi reconhecida como uma das mais importantes escritoras do século XX. Fez parte do Terceiro Tempo Modernista, que com seu romance inovador e com sua linguagem altamente poética, põe em cheque os modelos narrativos tradicionais. "A Hora da Estrela" foi seu último romance, publicado em vida.

Clarice Lispector nasceu em Tchetchelnik, na Ucrânia, no dia 10 de dezembro de 1925. Filha de Pinkouss e Mania, de origem judaica, que chegaram ao Brasil em março de 1926, fugindo do antissemitismo disseminado na Rússia durante a Guerra Civil Russa. Fixaram residência em Maceió, Alagoas, onde morava Zaina, irmã de sua mãe. Clarisse tinha apenas dois meses de idade. Por iniciativa de seu pai, todos mudaram o nome. Nascida Haia Lispector, passa a se chamar Clarice.

          Em 1929, mudou-se com a família para a cidade do Recife onde passou sua infância no Bairro da Boa Vista. Fez o primário no grupo escolar João Barbalho. Aprendeu a ler e escrever muito nova e logo começou a escrever pequenos contos. Estudou inglês e francês e cresceu ouvindo o idioma dos seus pais o iídiche. Com 9 anos ficou órfã de mãe. Terminou o primário e ingressou no Ginásio Pernambucano, o melhor colégio público da cidade. Com 12 anos, Clarice mudou-se com a família para o Rio de Janeiro, indo morar no Bairro da Tijuca. Ingressou no Colégio Sílvio Leite, onde era frequentadora assídua da biblioteca.

         Em 1941, terminado o segundo grau, Clarice ingressa na Faculdade Nacional de Direito, e emprega-se como redatora da Agência Nacional. Depois passa para o jornal A Noite. Em 1943 casa-se com o amigo de turma Maury Gurgel Valente. Nesse mesmo ano, termina o romance "Perto do Coração Selvagem", que retrata uma visão interiorizada do mundo da adolescência. Em 1944 publica o livro que teve calorosa acolhida da crítica, recebendo o Prêmio Graça Aranha.

         Ainda em 1944, Clarice Lispector acompanha seu marido – diplomata de carreira, em viagens fora do Brasil. Sua primeira viagem foi para Nápoles, na Itália. Com a Europa em guerra, Clarice trabalha como voluntária de assistente de enfermagem no hospital da Força Expedicionária Brasileira. 

         Continuou escrevendo, e em 1946 publicou “O Lustre”. Nesse mesmo ano, passa a residir em Berna, na Suíça. Em 1949 publica “A Cidade Sitiada”. Nesse mesmo ano, nasce seu primeiro filho, Pedro. Dedica-se a escrever contos e em 1952 publica “Alguns Contos”. Passa seis meses na Inglaterra e em seguida vai para os Estados Unidos, onde nasce seu segundo filho, Paulo, em 1953. Em 1954, Perto do Coração é publicado em francês.

         Em 1959, Clarice se separa do marido e retorna ao Rio de Janeiro, acompanhada de seus filhos. Logo começa a trabalhar no Jornal Correio da Manhã, assumindo a coluna "Correio Feminino". Trabalha no Diário da Noite com a coluna "Só Para Mulheres" e nesse mesmo ano lança "Laços de Família", livro de contos que recebeu o Prêmio Jabuti da Câmara Brasileira do Livro. Em 1961 publica "A Maçã no Escuro" pelo qual recebe o prêmio de melhor livro do ano em 1962.

        Em 1967 publica "O Mistério do Coelhinho Pensante". Nesse mesmo ano, Clarice Lispector sofre várias queimaduras no corpo e na mão direita enquanto dormia com um cigarro aceso. Passou por várias cirurgias e viveu isolada, sempre escrevendo. No ano seguinte publica crônicas no Jornal do Brasil. Passa a integrar o Conselho Consultivo do Instituto Nacional do Livro. Era considerada uma “pessoa difícil”. Em 1976, pelo conjunto de sua obra, Clarice ganhou o primeiro prêmio do X Concurso Literário Nacional de Brasília. Em 1977 Clarice Lispector escreveu "Hora da Estrela", sua última obra publicada em vida, onde conta a história de Macabea, uma moça do interior em busca de sobreviver na cidade grande. A versão cinematográfica desse romance, dirigida por Suzana Amaral em 1985, conquistou os maiores prêmios do festival de cinema de Brasília e deu à atriz Marcélia Cartaxo, que fez o papel principal, o troféu Urso de Prata em Berlim em 1986.

Clarice Lispector faleceu no Rio de Janeiro, no dia 9 de dezembro de 1977, um dia antes de seu aniversário. Seu corpo foi sepultado no cemitério Israelita do Caju.


Obras

  • Perto do Coração Selvagem, romance, 1944
  • O Lustre, romance, 1946
  • A Cidade Sitiada, romance, 1949
  • Alguns Contos, contos, 1952
  • Laços de Família, contos, 1960
  • A Maçã no Escuro, romance, 1961
  • A Paixão Segundo G.H., romance, 1961
  • A Legião Estrangeira, contos e crônicas, 1964
  • O Mistério do Coelho Pensante, literatura infantil, 1967
  • A Mulher Que Matou os Peixes, literatura infantil, 1969
  • Uma Aprendizagem ou Livro dos Prazeres, romance, 1969
  • Felicidade de Clandestina, contos, 1971
  • Água Viva, romance, 1973
  • Imitação da Rosa, contos, 1973
  • A Via Crucis do Corpo, contos, 1974
  • A Vida Íntima de Laura, literatura infantil, 1974
  • A Hora da Estrela, romance, 1977
  • A Bela e a Fera, contos, 1978
 (Fonte de pesquisa, clique aqui).


      E vocês? Gostam de Clarice Lispector? Deixe seu recado logo abaixo nos comentários. Até uma próxima!!!


@Gustavo Barberá - 20/02/2019.


Resenha do livro "Adelphos - a revelação"






       Em um mundo distante três adolescentes portadores de deficiência física irão lutar contra seres das trevas para chegarem até a Terra de Adephia e saberem como voltar para suas casas. Confira a resenha que o Leitura Enigmática publicou dessa magnífica fantasia que todos deveriam ler, pois está incrível!!! Para ler a resenha completa, clique aqui.

@Gustavo Barberá - 17/02/2019.



Resenha do livro "Para depois que eu partir"






         Depois de ser diagnosticada com câncer em estágio avançado, Heather McManamy inicia uma série de registros para deixa para sua filha Brianna, de apenas quatro anos de idade naquela época. Confira a resenha dessa emocionante obra que irá mexer com a alma de muitos leitores. Para conferir, clique aqui.

@Gustavo Barberá - 13/02/2019.


Novos rumos em 2019






        Nada é como planejamos. Estava planejando para escrever esse post ontem, mas não consegui e hoje tive uma ótima notícia em que me fará mudar um pouco o rumo do que desejava escrever.

        No começo do ano, abre-se inscrição para parceria com editoras, o que deixa os blogueiros literários na expectativa de conseguir uma resposta positiva. E ao começarem os feedbacks das mesmas, comecei a receber um não atrás do outro, me deixando bem chateado. Confesso que chegou um momento em que pensei até em encerrar os meus canais que possuo e seguir a vida, mas concluí comigo mesmo que não seria as negativas de editoras que me faria desistir do que mais gosto.

         Resolvi tomar umas decisões que iria postar hoje e como já disse, irei mudar um pouco, pois ao acordar e entrar no whatsapp, vi que tinha saído o resultado da parceria da Editora Novo Conceito e fui selecionado. Juro que fiquei sem reação. E antes já tinha também sido aceito na Editora Presságio e alguns escritores me procuraram também para ler suas obras. E isso para mim já está de bom tamanho.

          Fiquei bem feliz de ter ganhado essas parcerias e sei que algumas negativas que recebi foi de vacilo meu com o blog e ig, mas já está sendo reparado. Esse ano o blog do Leitura Enigmática passará por uma reformulação geral no meio do ano e estará de cara nova. Outras decisões também foram tomadas por mim e são:

- Não irei ficar me matando mais em querer ler seis, sete livros por mês. Eu não consigo, tenho um ritmo lento de leitura e irei ler quatro livros por mês, incluindo os de parcerias;

- Irei ler os livros parados na minha estante;

- Terei mais comprometimento nos grupos de interação e de leitura coletiva que participo;

- Distribuirei meu tempo com mais atividades como assistir filmes e séries. Ano passado fiquei somente em prol dos meios canais literários e não foi legal, pois não tive quase vida social, nem momentos de lazer e esse ano não quero isso; 

- Quero me preparar para as parcerias de 2020, pois já percebi onde que falhei na minha conduta;

- Desejo me dedicar ao máximo nas minhas parcerias atuais, grupos de interação e de leitura coletiva que participo e aperfeiçoar qualitativamente as minhas resenhas, fotos e matérias literárias.

        É isso aí pessoal, quero que 2019 seja um ano produtivo e com novos rumos melhores do que foi 2018 e isso dependerá somente de mim. Irei me fazer o máximo para que dê certo. Até uma próxima.


@Gustavo Barberá - 09/02/2019.



Resenha do livro "O preço de uma vida"







        Naiona foi contratada para investigar o assassinato do filho de um famoso engenheiro. E ao dar início as investigações, não imaginará que segredos surpreendentes da família virão a tona, incluindo a venda de uma garotinha. O preço de uma vida é um romance policial que irá tirar seu fôlego a cada página lida. Confira a resenha completa, clicando aqui.

@Gustavo Barberá - 03/02/2019.



Leituras de Janeiro






        Saíram as minhas leituras de Janeiro. Gostei demais dos títulos que li. Tem muitos nacionais que me deixou fascinado. Confira quais são, clicando aqui.


@Gustavo Barberá 02/02/2019.