Resenha do livro "Gritos no silêncio"





Título Original: Silent scream
Autora: Angela Marsons
Ano: 2018
Editora: Gutemberg
Páginas: 320
Onde comprar: Amazon


Não adianta esconder. Segredos hediondos vem a tona quando você menos espera, nem que demore anos, mas os fantasmas do passado aparecem para te assombrar com mãos verocidade do que já era. É isso que acontece com “gritos no silêncio”, uma história que conquistou muitos leitores e teve ais de dois milhões de livros vendidos no mundo.

          A história fala sobre terríveis assassinatos que ocorreram anos atrás em um orfanato chamado Crestwood, onde para se livrar das evidências, foi incendiado. As vítimas eram enterradas no fundo desse orfanato e depois era inventado que elas tinha fugido de lá. Anos mais tarde, Teresa Wyatt é brutalmente assassinada na banheira de sua casa e isso faz com desencadeie outras mortes violentas em sequência, o que coloca a detetive Kim Stone como chefe dessa investigação e a partir daí segredos mais obscuros vão se revelando.

          Pois é, quando li a sinopse da obra e ao iniciar a leitura na íntegra, já apareceu de imediato um assassinato, fiquei extasiado, pensei que seria a leitura. Mas depois vi que estava totalmente enganado. A narrativa se torna totalmente chata, sem novidades, claro aparecem outras mortes, o que quebra o gelo, mas fora isso, não se tem mais enredo e a coisa fica redundante, não sai do lugar. 






          A história é narrada em terceira pessoa, com vários personagens que vão aparecendo no decorrer da obra e no final são todos citados de uma única vez novamente, tornando a leitura bagunçada e confusa, pois dá até vertigem de tanta gente que tem nas acusações e fechamento do caso.



“Kim sentia a tensão da corda diminuindo. Na sua imaginação, ela via a corda se desfazendo sob a pressão da lâmina, mas não estava esfiapando rápido o bastante”.



          O livro possui capítulos curtos, o que não cansa na leitura, mas a história não apresenta nenhuma evolução por um bom tempo, um ponto positivo é a sensação de que o assassino parece estar por perto da equipe que investiga o caso, pois sempre que estão indo para decifrar uma pista ou interrogar alguém, ele chega primeiro, na maioria das vezes.
 
 
 

 

          Outra característica que deixa a obra com cara de thriller policial é a descrição dos locais de crime e a narração de como os mesmos são consumidos, é bem sinistra a forma como o assassino relata como premeditou e matou suas vitimas. A corrupção e desvio de verbas estão presentes também na trama.
 

“Todas as células do seu ser ansiavam por pegar aquela faca e enfiá-la com força entre os olhos dele”.


           A obra possui uma capa muito bonita, os tons de verde e branco ficaram excelentes e a diagramação não cansa no processo de leitura. No final da história, até houve uma evolução que quebrou o gelo, mas depois decaiu novamente. 
 
 
 
 

          Mesmo assim, se desejar ler essa obra, fiquem a vontade, pois não é de tudo ruim, quem sabe você terá mais afinidade com a história que poderá te segurar na poltrona e desejar saber quem é esse assassino asqueroso de crianças. A tradução foi de Marcelo Hauck.


@Gustavo Barberá – 09/05/2019.

 

25 comentários:

  1. Olaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!
    O último livro que escrevi foi na terceira pessoa, também. Custou imenso, pois sempre escrevi na primeira.
    Quanto ao livro, vai da visão de cada um a visão de ruinzinho, ruim, normal, excelente e perfeito. Eu não gosto de Crepúsculo.
    Exactamente como os cremes, uns adaptam à pessoa e outros não. É o mesmo caso nos livros. Eu não Gosto de HP e muita gente gosta. ATENÇÃO, a Escritora escreve muito bem, só não é o meu género.
    Beijokitaz




    www.devaneiosdemissl.com

    ResponderExcluir
  2. olá , gritos no silencio é um titulo cheio de segredos e misterios como gosto ,
    mais por ter essa leitura bagunçada, sem evoluçaõ o titulo não me atrai . Bjss

    ResponderExcluir
  3. Olá!

    O título é espetacular! Porém, não me vejo a ler algo deste género. Os Thrillers não são bem a minha onda haha, mas no entando adorei a capa é mesmo linda!

    Fiquei triste por saber que, o livro não acaba de forma grandiosa e que não prenda o leitor! :(

    Adorei o seu post! Estou curiosa para saber qual será o próximo!

    Beijinhos
    www.aalfacinha.com

    ResponderExcluir
  4. Quando começou a contar sobre o livro, também imaginei um enredo daqueles, afinal são muitos elementos que poderiam tornar o enredo intenso do início ao fim. Que pena todos esses problemas no decorrer da leitura. Acho muito ruim também essa coisa dos autores jogarem um monte de personagens que acabamos não guardando os nomes, o que faz mesmo virar uma grande bagunça e atrapalha a leitura.

    ResponderExcluir
  5. Nossa, amei esse livro! ❤ Não o conhecia mas já quero ler, ainda mais por ser suspense! #Amo ❤

    ResponderExcluir
  6. Estou com ele pra ler e confesso que estava com altas expectativas, fiquei preocupada com esse tanto de personagens, rs.
    Vou ler, agora com menos sede ao pote para não decepcionar.

    bjs

    ResponderExcluir
  7. Vi uma resenha recente dele que a pessoa gostou bastante. Engraçado como a leitura toda cada um de maneira diferente né... Quero ler, gostei da sinopse e da proposta. A sua resenha me fez lembrar o "Desaparecidas" do escritor americano Chris Mooney, uma série de assassinatos, investigações, e o assassino parece antecipar os passos da polícia, muitos personagens e vários descrições que tornam a leitura maçante.

    ResponderExcluir
  8. Quando esse livro foi lançado eu fiquei bem ansiosa, mas depois as resenhas foram saindo e vi que não valia a pena a leitura. Apesar de gostar muito da temática proposta no livro, não sei se daria uma chance.

    ResponderExcluir
  9. O enredo parece empolgante, uma pena que aos seus olhos o autor não soube como trabalhar com as ferramentas que histórias de suspense proporcionam! Fiquei com receio de conhecer a obra, mas quem sabe um dia rsrs

    Abraços!

    ResponderExcluir
  10. oi!
    Eu adorei a resenha, o livro é bem divertido e a historia cheia de reviravoltas...

    ResponderExcluir
  11. Pela sua resenha e perspectiva realmente a gente fica com expectativas enormes na leitura. É uma pena esas partes que nao evoluem né? isso pode ser um ponto negativo e fazer as pessoas até pararem a leitura. Mas gostei de conhecer a obra.

    ResponderExcluir
  12. Até me agrada mas em alguns capítulos que não evoluem deixa muita das vezes o Autor sem creadibilidade...

    ResponderExcluir
  13. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  14. Gosto muito do estilo desse livro, super empolgante, mas muito ruim quando não acontece o que esperávamos,mas faz parte.

    ResponderExcluir
  15. Olá, Gustavo.

    Esse é o tipo de leitura que me agrada bastante, ainda mais quando envolve esses assassinatos e ficamos super curiosos para chegar ao final do livro e descobrir quem o fez.
    Mas com esse livro parece ser diferente, demonstrou ser uma leitura cansativa, deixando de ser prazerosa. Uma pena, pois tinha tudo para ser A história.
    Eu já tinha visto a respeito desse livro e havia ficado curiosa para conhecer a história, mas com sua resenha fiquei bastante desanimada.
    Adorei sua sinceridade, ótima resenha!

    ResponderExcluir
  16. Sua resenha ficou super interessante! Acho que é a quarta que leio sobre esse livro e acabou apresentando uma visão completamente diferente das outras, e é isso que gosto,comparar opiniões para poder decidir qual livro vou querer! Obrigada pela dica!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  17. Oi, tudo bem? Desde que vi o lançamento desse livro fiquei bem curiosa para ler. Primeiro por essa capa que já nos causa um certo arrepio, segundo pela sinopse que promete prender a atenção do leitor. Gostei da sua resenha. Beijos, Érika =^.^=

    ResponderExcluir
  18. Poxa, Gustavo.
    Achei uma pena que você não tenha gostado desse livro. Eu amei!!!
    Adorei a construção da história e todos os personagens! A Kim Stone entrou para a minha lista de detetives favoritos! Terminei o segundo livro da série há pouco e achei ainda melhor!!!
    Pena mesmo que não funcionou para você!
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  19. Lamento que a história não tenha te agradado tanto e que você tenha acabado ficando um tanto decepcionado. Confesso que isso até diminuiu um pouco a minha empolgação para lê-lo. Eu li tantas resenhas positivas que estava ansiosa por essa leitura.

    Claro que não desistirei de ler, pois amo thrillers. Mas agora irei com menos expectativas para não me decepcionar.

    ResponderExcluir
  20. Enredo sensacional... Gostei demais da sua resenha. Sincera inclusive. Impressionante como alguns motes tem tudo para dar certo e meio que não dá,né?

    ResponderExcluir
  21. Olá!
    Eu gostei muito dessa leitura, mas achei que deu muitas voltas e mesmo com o final um pouco previsível não vejo a hora de ler o segundo livro e saber o que a detetive vai ter que enfrentar.

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  22. Adorei sua resenha! Gosto muito desse tipo de história, sempre fico angustiada com o suspense todo, kkkkk. Que bom saber que são capítulos curtos.
    beijos

    ResponderExcluir
  23. Olá Gustavo, uma pena que a leitura não tenha fluido muito bem para você, mesmo os pontos negativos que você destacou ainda tenho bastante curiosidade de lê-lo *-* Quem sabe ela não funcione melhor para mim. Adorei a resenha.

    ResponderExcluir
  24. Que pena que o livro não te agradou, mas confesso que fiquei curiosa com o enredo e acho que eu arriscaria ler pra ver se teria uma opinião diferente de você.
    Beijos

    ResponderExcluir
  25. Uma pena não ter sido a leitura que você esperava, eu li esse livro logo quando foi lançado e adorei, inclusive estou louca pelo outro livro da autora.

    ResponderExcluir