Resenha do livro "Sangue real"





Título Original: Sangue real
Autor: Duílio Souza
Ano: 2018
Editora: Luva
Páginas: 344


Obra gentilmente cedida pelo autor.

Em meio de lobisomens, vampiros e mortos vivos, “Sangue real” foi uma leitura que me surpreendeu pela sua forma de ser contada. Presente e passado se entrelaçaram e deram vida a essa história que não nos deixa traçarmos deduções do que virá para frente, nos prendendo ansiosamente na trama desejando descobrir nas páginas os resultados nos conflitos provocados.

          O livro conta a história de uma quadrilha especialista em assalto de mansões que ao invadir a casa errada, acaba se tornando a presa de algo imaginável. Ela gira também em torno do personagem Tico, que possui uma vida pobre em uma favela de Minas Gerais e da noite para o dia vê sua vida transformada repentinamente.





          Além de terror e sobrenatural, o livro aborda um assunto polêmico e que está bem retratada na nossa realidade que é o tráfico de drogas e suas consequências nas comunidades em que ele está inserido. De uma forma inteligente, o escritor vai detalhando as tragédias e conflitos com a polícia militar, levando a vítimas inocentes e também o preconceito que a sociedade possui com esses moradores.



“- Acorda, Tico! – Agora o tom era exaltado. – Você é preto pobre e f***, a sua única chance de ser alguém na vida é fechando com a gente.


          Outro assunto polêmico, mas que está presente em nosso meio é o preconceito com o negro. Tico por ser negro e morar na favela, não conseguia arranjar emprego, nem reconhecimento social, mesmo sendo uma pessoa honesta e dedicada aos estudos. Só que sua inteligência e força de vontade de vencer na vida, o recompensou.



 


          Narrada em terceira pessoa, o livro possui um enredo claro, tranquilo de se ler e mais da metade da trama fica em cima das histórias de Tico e nos ladrões que assaltaram uma mansão, mas não se deram muito bem em seus planos. Bispo, como era chamado o chefe da quadrilha, no momento em que a situação aperta, deixa claro que a partir dali será cada um por si.


“Os olhos amarelados e sensuais da mulher foram substituídos por duas ‘pedras’ amarelas com um brilho sobrenatural, e o sorriso, antes encantador, deu lugar à dentição de uma fera”.


        Mas toda essa narrativa tem um propósito. Nos últimos capítulos do livro, revelações surpreendentes são feitas, e o destino de cada um é traçado. Confesso que fiquei chocado com algumas delas e me fez concluir que valeu muito a pena ter lido essa obra, o escritor soube, com precisão conduzir a história do início ao final.






          Há vários personagens que vão aparecendo no decorrer da história e cada um consegue seu espaço nela, moderadamente. E há muito terror nesse enredo. Há um árduo conflito de lobisomens x vampiros que me fez lembrar o filme “Anjos da noite”. As cenas com esses protagonistas foram de arrepiar, mas ao mesmo tempo nos prendendo na cena para saber seu desfecho.

 
“Tiago fez o sinal da cruz enquanto assistia, impotente, àqueles seres malignos despedaçarem o corpo de Toledo, espirrando sangue por todo o chão”.



          E se quem deseja saber o destino de Tico, Bispo e dos demais personagens, não deixe de ler “Sangue real”, pois os seus maiores pesadelos podem estar mais perto de você sem que saiba. Recomendo para todos.



@Gustavo Barberá – 13/03/19.


Menu.



27 comentários:

  1. Oie, achei genial o autor abordar algo sobrenatural e mesclar com a realidade, a favela e o tráfico de drogas, um contraste bem interessante. Apesar de não curtir sobrenatural, gostaria de ler

    ResponderExcluir
  2. Tudo bem? Você sempre trás livros que eu nunca vi e acaba me despertando curiosidade.
    Eu costumo curtir livros com essa pegada. Quem sabe eu não consiga ler em algum momento.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Gosto de leituras que se passam em nossas terras, e fico muito feliz com a nova geração de autores nacionais que vem trazendo temáticas diferentes para a nossa literatura. São opções que os leitores precisam ter antes de escolher a literatura nacional (nada contra). É só uma questão de valorização mesmo! Sua resenha é importante no sentido de além de incentivar à leitura, mostrar autores desconhecidos do grande público. Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
  4. Não dispenso as obras que mesclam um universo fantástico com a realidade, ainda mais algo que aborda assuntos sociais, temas que tanto chamam a minha atenção e que precisam de discussão dentro da sociedade na qual estamos inseridos. Que muita gente tenha acesso à obra!

    Abraços!

    ResponderExcluir
  5. Não é meu estilo literário, mas interessante conhecer o autor que eu não conhecia

    ResponderExcluir
  6. Eu nao conhecia o livro. Apesar de nao curtir genero assim de leitura, eu smepre gosto de ler suas resenhas dos livros. Quem ama este genero com certeza vai gostar muito.Legal abordar assuntos atuais em meio a historia tbm.

    ResponderExcluir
  7. Primeiro: o projeto gráfico desse livro é muito bonito e bem trabalhado!
    Segundo: adoro a temática sobrenatural. Não conhecia esse autor, nem a obra, mas me interessei bastante!

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Eu ainda não conhecia esse livro, achei muito interessante o autor trazer temas atuais o longo da trama além de ser uma temática que eu gosto muito. Amei a dica.

    Beijão!
    Lumusiando

    ResponderExcluir
  9. Olá tudo bem ? Essa mescla que o livro traz e oque me despertou a curiosidade.o gênero não e oque custumo ler , mais esse será meu próximo .

    ResponderExcluir
  10. A capa já me distancia muito deste livro, mas o enredo com certeza não é pra mim. Por isso anotei a dica para dar de presente para os amigos que curtem passar medo enquanto leem.
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oi, Gustavo.
    Apesar da trama não ser bem o que eu curto, fico feliz de saber que esse livro te surpreendeu!
    Adoro quando os autores aproveitam para inserir temas importantes em suas histórias!
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  12. Adorei a resenha, devido a ela fiquei bem curiosa em ler o livro, gostei das suas impressões.

    ResponderExcluir
  13. Achei muito interessante a mistura dos temas, fiquei bem curiosa. Vou dar uma olhada nele na próxima ida a livraria.

    ResponderExcluir
  14. Oi Gustavo! Achei interessante o autor escolher usar uma temática tão real e até mesmo dolorosa, mesclando com o sobrenatural. Acredito que ele já ganhe leitores com a originalidade. Eu fiquei bastante curiosa para ver como eles construiu toda a trama e a que fim ela levará. Ótima resenha. Beijos
    https://almde50tons.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  15. Adorei! Lembrei das lendas de Ozzy Osbourn...rsrs. Não é meu tipo de leitura favorita, mas confesso que Abração

    ResponderExcluir
  16. Bom saber que esse livro traz uma história surpreendente e que aborda temas bem polêmicos! Sua resenha me deixou curiosa!

    ResponderExcluir
  17. Uaaau eu amei sua dica, amo livros com essa temática e fiquei mega curiosa em como será o desenrolar da obra, beijos.

    ResponderExcluir
  18. Olá ...
    Me parece ser um ótimo livro pelo menos aborda um fato da atualidade..
    www.robsondemorais.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  19. Oi!
    Me encantei com sua resenha, pois adoro livros de ficção com seres sobrenaturais. Não conhecia o autor, mas fiquei interessada em ler, quero desvendar esse mistério e saber mais sobre o personagem Tico. Parabéns pela resenha, obrigado pela dica!

    ResponderExcluir
  20. Fiquei mega curiosa para saber qual o resultado desse terror sobrenatural com a realidade das nossas comunidades carentes. quero conhecer esse Tico e essas revelações surpreendentes que mencionou, então é recomendação anotada.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  21. Amo livros de ficção e sobrenaturais. Em sua resenha, apenas senti falta de um pouco mais de detalhe em como esses mundos se interagem, a realidade na favela e os seres. Mas eu adorei todo o conteúdo e já fiquei curiosa pra ler, principalmente pelo autor ser brasileiro.
    Beijoss

    ResponderExcluir
  22. Olá!

    confesso que fiquei muito curiosa a respeito, quero saber se a mansão é tipo um portal ou se lá habitam esses seres.
    os assaltantes se deram muito mal, hein, tanto lugar e eles deram de cara logo com uma mansão mal assombrada.
    Dica anotada!

    ResponderExcluir
  23. Gostei da capa e principalmente da sua criatividade ao tirar as fotos.
    A história não é bem o gênero que costumo e gosto de ler, mas eu me interessei pelo livro por causa dos quotes que você colocou.
    Enfim... Grata pela sugestão!

    ResponderExcluir
  24. Este não é um livro impressionante entre vampiros e lobisomens. Além de horror e sobrenatural, o livro aborda um assunto que pode gerar muita controvérsia que nos dá uma sensação de uma jornada no túnel do tempo, confesso que fiquei curiosa para reservar o livro.

    ResponderExcluir
  25. Que curiosidade para ler esse livro também! Achei bem interessante ter essa parte sobrenatural com lobisomens e vampiros e ainda trazer situações reais como a vida nas favelas e o preconceito.

    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  26. Livros de terror são incríveis, especialmente quando escritos por autores habilidosos. O enredo parece interessante, especialmente por misturar questões sociais e ficção. Parabéns ao autor pelo livro, e a você pela resenha!

    ResponderExcluir
  27. Olá!
    Gostei de conhecer mais dessa leitura. Ver que o autor aborda temas importantes dentro de uma narrativa de terror me deixou curiosa para saber mais do enredo.

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir