Resenha do livro "Noite e chamas"

 


 

 

 

 

 

Título: Noite e chamas
Autora: Anne C. Beker
Ano: 2021
Páginas: 228
Onde comprar: Amazon

 

*Obra gentilmente cedido pela autora.

 

    Ao pegar “Noite e chamas”, pensei que seria mais um romance dark com umas pitadas de sobrenatural, mas me enganei. Aqui temos uma obra que reúne além desses elementos que citei com pegadas de suspense e mistério.

 

    O livro conta a história de Samanta, uma adolescente de dezesseis anos, a qual foi enviada para um colégio interno na Europa pelo pai, resolve visita-lo em seu recesso escolar na Alemanha, pois ficou sabendo que ele estaria lá a trabalho. Só que essa visita lhe rendeu descobertas que ela jamais iria imaginar.

 

    Foi uma história bem enigmática que me prendeu na leitura desde o primeiro capítulo, a autora soube criar um clima de suspense e mistério na dose certa, colocando os plots nos momentos exatos para prender a atenção, onde não se ficou pontas soltas ou cenas sem sentidos.

 

    Quem curte o sobrenatural, irá curtir demais a história, pois a mesma nos traz a famosa rivalidade entre lobisomens e vampiros, mas também com presença de bruxas que chegam com tudo, roubando algumas cenas, mas fiquem tranquilos que não temos momentos de carnificina ou sangue jorrando, a história é mais leve e sem gatilhos.

 

    Narrada em terceira pessoa, a obra possui um enredo bem colocado, onde notei que a autora trabalhou duro para que a história não fugisse do contexto e ficasse sem sentido, ao contrário, a ligação no decorrer da mesma foi sensacional, com um foco narrativo íntegro e de fácil entendimento.

 

    Portanto, o que tenho a dizer é que leiam “Noite e chamas” e verá o porque da obra ter esse título, mas não adianta ficar deduzindo por si só, que não é nada o que estão pensando, aqui temos emoção e adrenalina a flor da pele. Recomendo.

 

 

 

Sobre a autora


 


 

Anne C Beker nasceu e cresceu na cidade de São Paulo. Antes de escrever seu primeiro livro, formou-se em medicina, exercendo a profissão até os dias atuais. 

 

Sempre foi apaixonada por livros, literatura e escrita, desde a adolescência.

 

 

 

 

 

 

@Gustavo Barberá – 28/08/2022

 

Menu

 

0 comentários:

Postar um comentário