Resenha do conto "Pandemia - A quarentena"

 

 




Conto: Pandemia – a quarentena
Autor: J. Robson J.
Ano: 2020
Páginas: 27
Onde comprar:
Amazon

*Conto gentilmente cedido pelo autor.

 

Pandemia – a quarentena, é um conto que chegou para mostrar o acontecimento de uma história de ficção ao acontecer na realidade, não é mera coincidência. Aqui temos uma trama bem parecida com nossos dias atuais e que é desesperador, pois a todo momento o leitor irá fazer conexão com os fatos em que estamos vivendo.

 

     O conto nos traz a história de um vírus totalmente letal que surge em uma floresta aos arredores de uma pequena cidade e começa a dizimá-la, pois quem é infectado, morre em algumas horas. 

 

     

     Eu associei essa história ao filme “Epidemia”, de 1995, pois o início do conto se assemelha com a adaptação cinematográfica. São momentos de angústia, aflição e desespero que está explicitamente demonstrada no nosso cotidiano, desde o ano passado.

 

     O autor usa de elementos literários – científicos para deixar a trama com mais ação e ousada, pois a ficção também está presente e que me deixou surpreso com os acontecimentos presentes. 

 

“A contaminação foi violenta e rápida. Logo, as pessoas em volta da floresta foram contaminadas, as pessoas tiveram que entrar em quarentena como estamos, mas antes disso, contaminaram outras pessoas e outras e de outras cidades e mais cidades, mais cidades, de todo o estado e, logo todo o país estava contaminado, e em quarentena”.

 

     Os personagens são jovens que ao acaso sabem como deter a infecção, mas não são ouvidos, mas a sua determinação os fazem serem persistentes e não abandonam a luta. É um conto intenso, bem fluído, onde a todo tempo aguça sua curiosidade para saber os acontecimentos.

 

     É um conto que te prende, com muitas surpresas no decorrer da leitura e que mostra a seriedade e o perigo que é estarmos em uma pandemia. O enredo é muito bem construído, tendo um final de tirar o fôlego, onde são abordados temas polêmicos como guerra biológica e terrorismo.

 


 

     Portanto, se você gosta desse tipo de história, não deixe de conferir esse conto que está sensacional, com muito suspense que lhe trará fortes emoções. Recomendo demais.

 

 

 

Sobre o autor

 

J. Robson J. é escritor, membro do grupo “Escritores de Taubaté”, membro titular e Presidente (Biênio 2020/21) da AVLA (Academia Valeparaibana de Letras e Artes). É colunista do Jornal Diário de Taubaté e da revista Nauticupom.

É autor dos livros “Ovelha negra – A saga de um bandido” (Ed. Biblioteca 24 Horas), “Kandic & Levi – Os senhores da guerra” (Ed. Multifoco), “Billy, O Cavalinho voador” (Ed. Matarazzo), e dos e-books “Estrada para Zybellium” (Ed. Escritores da Alma) e “Pandemia – A Quarentena” (Ed. Planeta Azul).

     Como co-autor, participou das antologias “Noite Sombria” (Ed. Darda), “@Medo.com” (Ed. Darda), “Sombras da bomba” (Ed. Darda), “A Hora morta” (Ed. Luva), “Sinistro – Volume 4” (Ed. Multifoco), “Uivos da escuridão” (Ed. Darda), Parem as máquinas (Crônica) – Ed. Selo Off Flip.

     Entre suas inspirações literárias, estão Stephen King, J. R. R. Tolkien, J. K. Rowling, Camila Lackberg, Philip Pullman, Jo Nesbo, Isaac Asimov, Frederick Forsyth, Ken Follet e Rick Riordan.

 

     Visite a página oficial do autor, clicando AQUI.

 

 

@Gustavo Barberá – 27/01/2021

 

Menu

0 comentários:

Postar um comentário