Resenha do conto "Uma refeição especial"

 






Conto: Uma refeição especial
Autor: Sérgio Fragoso
Ano: 2020
Páginas: 18
Onde comprar:
Amazon

 

*Conto gentilmente cedido pelo autor.

 

Uma refeição especial é um conto que irá te aterrorizar e fazer com que pense com mais prudência antes de aceitar um convite para jantar a sós com aquela pessoa misteriosa que tanto lhe atrai.

 

     Aqui temos a história de José, um rapaz atraente, rico e que mora sozinho. Certa noite ele leva uma bela companhia para jantar em seu apartamento, onde a atraente moça pensava em ser a sobremesa, mas na verdade ela foi o prato principal. Sim, aqui temos mais um conto ao estilo Hannibal Lecter.

 

 

     

     Para os fãs de um bom thriller, estamos perante a uma narrativa que irá te deixar sem fôlego de tão tenso que ficará com essa leitura, que a todo momento irá te desestruturar com cada passo dado por esse psicopata bem pensado e calculado, onde a forma em que ele agia me deixou com os nervos à flor da pele de tão angustiante que foi.

 

     Narrado em terceira pessoa, o autor conseguiu montar um enredo intenso e com muito suspense e com um protagonista seguro de seus atos, pé no chão e de um comportamento frio quando questionado sobre o crime ou quando comentavam com ele, sem saberem que estavam falando com o réu, o que me dava vontade de gritar para o outro personagem quem ele era.

 

"Primeiro serrou o pescoço, desprendendo o mesmo do corpo e colocou dentro de um saco plástico, guardando novamente dentro do freezer para que não descongelasse".

 

     É um conto curto, mas o suficiente para te deixar alucinado, pois fatos assim já aconteceram e acontecem ainda na vida real, aqui vamos além de uma ficção, essa narrativa nos faz refletir de que jamais estamos seguros e toda a cautela é o mínimo que precisamos ter.

 

     

     Enfim, recomendo esse conto, com certeza irá mexer com suas estruturas emocionais e jamais irá aceitar de primeira um convite para um jantar romântico, pois esse poderá ser seu último encontro. E não leia esse conto de estômago cheio, pensando bem, nem vazio. 

 

 

 

Sobre o autor

 

 

Sérgio Fragoso, natural de União da Vitória - PR, mora no Mato Grosso desde 1989 e em Alta Floresta - MT desde 1995. É servidor público da Universidade do Estado de Mato Grosso - Unemat e trabalha na biblioteca do Câmpus desde setembro de 2005. 


Durante a adolescência tinha o hábito de devorar gibis, mas só conseguiu concluir os estudos depois de adulto e graduou-se em Administração (2012) e fez pós-graduação em Gestão Universitária (2014).

 

Sempre foi inquieto quando o assunto era fazer algo diferente, começou a escrever criando um blog no ano de 2010 “Administração e Sucesso” (https://administracaoesucesso.com/) onde fala de tudo um pouco e também dá dicas básicas de informática, foi assim que publicou alguns livros de informática básica ainda no ano de 2014. No entanto, aquilo ainda não o deixou satisfeito e no ano de 2015 decidiu começar a escrever seu primeiro romance.


@Gustavo Barberá – 07/02/2021.

 

Menu

 

9 comentários:

  1. Oi, Gustavo!
    Parece ser um conto realmente interessante. Estou pensando em sair da minha zona de conforto e dar uma chance. Beijos!

    https://escrevendoerabiscando.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Gustavo!
    Ando lendo bastante thrillers esse ano e apesar de gostar desse tipo de leitura, sempre fico um pouco tensa no final haha.
    Esse conto é totalmente diferente de tudo que já li, mas vou guardar a indicação pro futuro :D


    Estante Bibliográfica > Tem post novo! :D

    ResponderExcluir
  3. Oi, Gustavo. Oh, deve ser um conto incrível e de escrita alucinante. Amo a temática de canibalismo trabalhada em livros, cinema, séries... Como vc falou, tem muita gente por aí fazendo coisas semelhantes na vida real.. sempre lembro de casos como o que ocorreu na Alemanha, inspirando a música Mein Teil a ter sido criada pelo Rammstein hahaha
    Sucesso pro autor e seu conto. Espero um dia poder ler TB .
    Tschüss

    ResponderExcluir
  4. Adoooorei , venho me descobrindo uma grande amante dos thrillers e admiro muito a mente assassina do Hannibal Lecter, acho a mente dele fantasticamente profunda e cheia de inteligência é claro que é macabro o que ele faz mas gosto muito de ler esse tipo de coisa principalmente policial. Sua resenha me deixou instigada para ler esse conto!

    ResponderExcluir
  5. Ahhhh, adorei suas palavras a respeto desse contaço!!! Eu li ele mês passado e adorei.
    Até certo ponto, fiquei lembrando do Chico Picadinho, e como ele desmembrou suas duas vítimas. Porém, chegamos na parte "Hannibal" da história. E isso dá uma baita aflição. Já levei a lembrança mais pro lado do Albert Fisher. Eita, essa vida de estudar psicopatas. huahuahuahuaha
    Parabéns por trazer esse material pra gente. Abraços

    ResponderExcluir
  6. Oie, tudo bem? Uau! Como assim aceitar um convite e ser o prato principal?!? :O Realmente nos faz pensar em Hanibal. Só de lembrar já senti um frio na espinha. Obrigada pela sugestão. Um abraço, Érika =^.^=

    ResponderExcluir
  7. Uau. Adorei conferir o enredo desse conto de arrepiar! Os fãs de thriller vão pirar com essa narrativa de tirar o fôlego, realmente. Ainda não explorei nada nesse estilo Hannibal Lecter. E achei muito intrigante de verdade. Fiquei bem instigada pela sua excelente resenha sobre!

    ResponderExcluir
  8. heheheh eu gosto desses contos, canibalismo é pano para manga, não conhecia o autor e fiquei interessada, a parte que você relata que não sabiam que estavam falando com o réu e frieza do personagem foi a que mais me chamou atenção

    ResponderExcluir
  9. Oie, Gustavo!
    Achei a recomendação incrível. O conto já está na minha lista e agora estou mais ansiosa ainda para chegar a vez dele. Gosto muito das suas recomendações sangrentas!

    ResponderExcluir