Resenha do livro "O Rosemberg"

 





Título Original: O Rosemberg
Autor: Patrick Correa
Ano: 2019
Editora: Skull
Páginas: 300
Onde comprar:
Amazon

 

Venham, prezados senhoras e senhores. Acomodem-se em seus assentos e apreciem nossa peça como se fosse a última de suas vidas! E para alguns será, pois aqui no Rosemberg os acontecimentos mais bizarros e sinistros se sucedem a cada espetáculo apresentado.

 

     A obra nos conta a história de um teatro possuído por entidades malignas e foi comprado duas vezes e em ambas a insanidade esteve presente e muito sangue correu naquele prédio.

 

 

     Gente, que livro perfeito! Que história incrível! Estou sem palavras para me expressar o quanto essa obra me surpreendeu. O autor soube perfeitamente conduzir uma trama com muito mistério e envolvendo o leitor com seus acontecimentos jamais esperados que fossem acontecer. A todo momento novas descobertas são trazidas à tona que nos deixa chocado.

 

"Você pode gritar o quanto quiser! Eu gosto disso! - disse o carrasco em voz alta".

 

     Nota-se no decorrer da leitura que foi uma história escrita minuciosamente, onde o mínimo detalhe foi pensado muito bem pelo autor que resultou em cenas muito bem construídas e relatadas, obra digna de se transformar em uma série televisiva.

 


     Narrada em terceira pessoa e com um enredo de arrepiar, o objetivo da história não é apenas assustar o leitor com o sobrenatural, mas sim expor a ganância e egoísmo do ser humano, até onde ele é capaz de chegar para obter êxito e sucesso em sua vida. Há momentos em que o comportamento de alguns personagens são tão mesquinhos que chegamos a ter ranço dos mesmos. A sensação que tive é que a obra parece ser contada em dois momentos. Com os primeiros proprietários e logo após com os novos compradores.

 

"Elise se deparou com um cenário grotesco. As paredes cinzentas e frias pareciam gemer de dor, enquanto ela caminhava calmamente, em um silêncio incômodo que permitia ouvir as batidas de seu próprio coração".

 

     Outro aspecto da obra que me admirei muito foi a descrição. A forma que os locais do teatro são descritos, assim como o ambiente externo deixa a história com mais essência. Não é nada exagerado, mas sim na dose certa para deixá-la no clima de suspense e mistério pairando no ar, tornando-se assim uma leitura fluída e em momento algum ficando parada, sem sentido, muito menos arrastada. Ela aguça demais nossa curiosidade para se desejar saber o que acontecerá nos próximos capítulos. Sem falar da perfeição que é o projeto gráfico desse livro e de uma playlist para se ouvir no Spotfy. Cada música melhor que a outra.



 

     Então se deseja assistir esse espetáculo, não deixe de ler “O Rosemberg” e descubra todos os enigmas dessa bela casa teatral, mas cuidado! Não confie nos atores desse lugar e ao final da encenação, aplauda de pé ou se arrependerá amargamente.

 

 

 

 

Sobre o autor

 

Patrick Correa é um escritor brasileiro, nascido em Porto Alegre/RS. Sua escrita se caracteriza por mostrar o lado poético da escuridão, marcada com grandes reviravoltas de plot twist.

 

Autor de livros dos gêneros de suspense e terror psicológico, desde cedo demonstrou interesse pela arte sombria, primeiramente esboçando seus pensamentos através de desenhos, em seguida, criando seus primeiros poemas e contos sombrios.

 

Dos pequenos poemas e contos, passou a criar histórias mais longas e complexas, com fortes doses de suspense psicológico, criadas com elementos clássicos do terror, o que fica evidente em seus dois primeiros livros "Elise e o Silêncio da Morte" e "O Rosemberg".

 

 

 

@Gustavo Barberá – 12/10/2020

 

 

Menu

 

2 comentários:

  1. Eu amei essa sinopse! Já quero ler! Me lembrou dos vários filmes de terror como Gritos Infernais. Amo conteúdo sobre possessões e terror <3 O post ficou muito legal!

    ResponderExcluir
  2. Primeiramente, que capa linda! Amei o design do livro e as fotos do post ficaram incríveis. Quanto à premissa, preciso dizer que me deixou curiosa com esse teatro possuído. As quotes são de arrepiar!

    ResponderExcluir