Resenha do livro "O silêncio da casa fria"

 


 

 

 

Título Original: The silente companions
Autora: Laura Purcell
Ano: 2020
Editora: Darkside
Páginas: 288
Onde comprar:
Darkside

 

O silêncio da casa fria é uma obra que se passa no século XIX e irá deixar o leitor arrepiado da sinistra história que apresenta. Ela mexe com nossa imaginação em certos momentos, nos deixando pensativo de como seria a cena em que estamos lendo, além de nos deixarmos curiosos a cada capítulo lido. É uma narrativa direta: ou você gosta ou não. Aqui não temos meio termo.

 

     O livro nos conta a história de Elsie, que perde seu marido e fica em uma mansão isolada a qual, no passar do tempo começa a apresentar fatos estranhos nos cômodos dessa residência, que a faz questionar sobre sua própria insanidade pelo que presencia.

 

     Eu fiquei ligado nessa trama o tempo todo, primeiro pelo fato de ser uma história que se passa na época vitoriana, o que gosto demais. O segundo é da autora nos trazer todo um clima de medo, mistério e fatos que me deixou perturbado, além de nos apresentar um cenário sombrio, gelado e sem vida, o que faz jus ao título.

 

“Em algum lugar distante, ouço o estrondo do trovão. Não sei quanto tempo fiquei sentada ali, lamentando meu destino, implorando por forças para seguir em frente. “

 

     Narrada em terceira pessoa, a obra possui um enredo intenso e sem deixar com que a leitura fique arrastada. Há leitores que discordam, mas gosto é gosto. Os personagens também são bem construídos, onde suas ações e táticas fazem com que a história fique com vida e bem dinâmica.

 

     O projeto gráfico está sensacional, com uma diagramação incrível, o que dá toda essa beleza nesse livro. Como sempre, a Darkside acertando de cheio em suas produções literárias.

 

     Portanto, se curte um bom suspense de séculos passados, não deixem de ler “O silêncio da casa fria” e sinta na pele toda essa frieza que esse local irá te oferecer, pois jamais irá desejar voltar a essa mansão de forma alguma. 

 

 

 

Sobre a autora

 

Laura Purcell mora em Colchester com o marido e seu porquinho-da-índia de estimação. O Silêncio da Casa Fria ganhou o prêmio WHSmith Thumping Good Read Award de 2018 e foi apresentado nos clubes literários Zoe Ball e Radio 2. 

 

Laura Purcell também já foi livreira e escreveu outros romances, como Queen of Bedlam (2014), Mistress of the Court (2015) e The Corset (2018). Saiba mais em laurapurcell.com

 

 

 

@Gustavo Barberá – 06/07/2021

Menu

 

0 comentários:

Postar um comentário